Morre o ator Paulo Silvino, o eterno “Severino” do Zorra Total

O humorista que eternizou se na TV Globo no programa humorístico semanal Zorra Total como o porteiro Severino, lutava contra um câncer no estomago que foi diagnosticado no ano passado e faleceu nesta manhã aos 78 anos.

Paulo Silvino era um dos atores mais queridos pelo público do Zorra, e seu personagem marcou a história do programa com o bordão “Cara, crachá” sempre no final fazendo piada com um dos principais criadores do Zorra total, o humorista e diretor Max Nunes.

A família revelou que o ator em novembro de 2016, mas no mês de julho o ator já havia feito uma cirurgia feita no estômago para um adenocarninoma, Silvino nunca perdeu o bom humor e em uma de suas ultimas aparições em público revelou como foi fazer a cirurgia “Foi barra, mas despertei bem-humorado perguntando : ‘Ué, já acabou?“.

Integrando a Rede Globo desde 1966, o ator participou de várias atrações da emissora, como Canal 0  dentre outras atrações e sempre salientou o seu amor pelo trabalho e dizia “Quero morrer na ativa, trabalhando na minha querida TV Globo.

Além de diversas atuações, o ator também fez papel de apresentador comando o Cassino no Chacrinha, fez parte do SBT nos anos de 1989 a 1992, atuando na “A Praça é Nossa” e na “Escolinha do Golias”, voltou a Globo para a Escolinha do Professor Raimundo junto com Chico Anysio e posteriormente para a Record na Escolinha do Barulho em 1999, voltando em definitivo para a Rede Globo.

Paulo Silvino é pai do também ator Flávio Silvino que sofreu um grave acidente  no ano de 1993 e as sequelas do acidente o afastaram da TV.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 5 =